Shih-Tzus – Principais Informações

A menor raça originária do Tibet é o Shih Tzu;
O nome Shih-Tzu foi dado na China e quer dizer “pequeno leão”;
Eles ainda ganharam o nome de Chrysanthemum canino, porque o pelo no focinho cresce em todas as direções, como as pétalas da flor;
Reza a lenda, os Shih-Tzus dormiam na cama, nos pés de nobres chineses para aquecê-los;
Shih-Tzu era a espécie oficial da Dinastia Ming – Shih-Tzus foram adorados no território chinês no decurso de séculos, todavia especialmente ao longo da Dinastia Ming;
Após a invasão britânica na China, apenas 7 fêmeas e 7 machos da raça permaneceram vivos. Ou seja, todos os Shih-Tzus contemporâneos descendem desses quatorze cachorros;
O Shih-Tzu tem o impressionante número de dezenove combinações de cores nos pelos;
O Kennel Club de Beijing, no momento em que detalhou o padrão da raça Shih-Tzu, não economizou na licença poética. “A cabeça de leão, a face arrendodada como uma coruja, os olhos lustrosos de um dragão, a língua ovalada em formato de uma pétala de peônia, a boca de um sapo, dentes como grãos de arroz, orelhas como folhas de palmeira, o torso de um urso, as costas largas como um tigre, a cauda de uma fênix, as pernas de um elefante, dedos como uma cadeia de montanhas, pelagem amarela como um camelo e o movimento de um peixe”;
O filme “Sete Psicopatas e um Shih-Tzu” fala a história de um roteirista que se envolve acidentalmente no submundo do crime de Los Angeles após seus amigos exóticos raptarem Bonny, o amado Shih-Tzu de um gângster;
Celebridades que possuem, ou já tiveram, um Shih-Tzu: Dalai Lama, Beyonce, Bill Gates, Rainha Elizabeth, Mariah Carey, Colin Farell, Geri Halliwell, Nicole Richie.

O Surgimento do Lindo Shih-Tzu na História

guia-shih-tzus Formada possivelmente a partir do cruzamento dos pequeninos cachorros sagrados do Tibete, com os ancestrais do Pequinês contemporâneo, a espécie Shih-Tzu foi levada para a Europa em torno de 1930 e, desde então, vários exemplares foram gerados por todo o continente.
Na fé budista, o Leão é tido como um animal-atributo da divindade e, em diversas imagens antigas, o próprio Buda está representado próximo a um leão. Provavelmente, por este motivo, o Shih-Tzu, uma das raças com aparência leonina, e que o próprio nome em chinês quer dizer leão, seja uma das espécies que até os dias de hoje é tão apreciada em todo o território chinês.
Independente de muita gente se equivocar entre o Shih-Tzu e o Lhasa Apso, tem uma sucessão de diferenças que distingue estas duas raças, a começar pelo seu surgimento. Independente de ter suas bases inclusive no Tibete, a espécie Shih-Tzu foi originária da China, onde estes cachorros habitavam nos palácios imperiais. Os primeiros exemplares foram levados ao ocidente logo após a China se tornar uma república, mesmo que a primeira importação da espécie pela Inglaterra tenha sido registrada só no ano de 1931. O Kennel Clube Britânico concedeu o certificado para a espécie em 1940.

Aspectos Físicos do Shih-Tzu

O Shih-Tzu é um cão pequenino que é capaz de ser de praticamente qualquer coloração. Os mais cobiçados são os que possuem a testa e a ponta da cauda alvas. Seu pelo é longo no topo e condensado na parte de baixo. Quando o cachorro é mais velho, o subpelo deixa o pelo superior com uma aparência encantadora.
Seu crânio e sua cauda são erguidos, o que dá um ar de confiança à espécie. Os olhos são escuros, grandes e esféricos, inseridos bastante afastados, contudo não proeminentes. O corpo é maciço e moderadamente comprido. Apresentam uma boa constituição física abaixo do pelo sedoso.
Os Shih-Tzus têm os olhos grandes, redondos e com a expressão de lealdade e parceria. As orelhas são revestidas por um cabelo liso que se estende até as patas dianteiras. Geralmente, seus dentes inferiores são mais protuberantes que os dentes superiores. Sua cauda é comprida, empinada e recurvada para cima. A pelagem do Shih-Tzu praticamente não cai, logo esta espécie é uma excelente opção para quem tem alergia (rinite e relacionados).

O gênio da raça Shih-Tzu

temperamento-shih-tzus O Shih-Tzu é um cão muito dinâmico, atento e afável. É uma espécie considerada autossuficiente, contudo meiga. Os cachorros da espécie Shih-Tzu demonstram uma personalidade e temperamento que é fiel, meigo, alerta e expansiva. Apesar de não ter sido criado para a finalidade de guarda, em razão de sua natureza vigilante e elevado nível de atividade, é também considerado um excelente protetor.
O Shih-Tzu possui a tendência de ser receptivo e afável. Devido a sua natureza primordialmente gentil, os espécimes dessa espécie são mais condescendentes com crianças, outros bichos e pessoas diferentes, e costumam fazer amizade com mais facilidade. Ainda assim, o cão da raça Shih-Tzu pode se enfurecer com naturalidade sempre que pertubado, então, levando em consideração que determinados cachorros são capazes de ser mais dominadores do que outros, é fundamental um julgamento maleável nesta questão e um cuidado redobrado pode ser necessário na presença de crianças.
Independente de serem famosos por seu comportamento levemente independente, nem todos os cães da espécie lidam da mesma maneira com a falta do seu proprietário ou dos familiares. Enquanto alguns cães encaram com serenidade momentos mais extensos sem a presença da família, outros podem obter um temperamento extremamente carente. Os cachorros bem disciplinados o mais rápido possível, mesmo assim, costumam ser excelentes amigos, complacentes, extrovertidos, de comportamento manso e equilibrado.

Benefícios de Ter um Pet Shih-Tzu

Logicamente, o Shih-Tzu chama muita atenção com sua presença, porte nobre e pelagem magnificente. Não tem como não enxergar e não se fascinar por seu focinho achatado e pequeno, olhos escuros e em um formato de amendoim, personalidade afeiçoada e fiel.
Este parceiro por excelência, o qual já foi animal doméstico de imperadores chineses, gosta de ser o centro das atenções e ser carinhado. Bastante gentil, alegre e divertido, o Shih-Tzu é, sem dúvida, uma das raças caninas mais doces e é sugerida para uma infinidade de tutores, sejam eles principiantes, famílias com filhos ou pessoas solitárias.
Ele não é um cão de caça, não é um cão de guarda e nunca espere que ele vá ser um exímio esportista ou atleta. Esse pequeno cachorro possui um propósito bastante nobre: usufruir a vida, ser amado e recompensar este sentimento, a todo o momento pronto para ter carinho. Terminantemente ele é um perfeito cão para ficar dentro de casa e de colo.
Independente do que você faça, ele estará lá do seu lado, pronto para toda condição. Caso você esteja exausto, ele irá tirar uma soneca com você; caso esteja cuidando do jardim, ele estará olhando com toda a atenção. Apesar de apresentar uma certa independência de caráter. Para ele, o fundamental é estar junto e participando. Com todo este amor, é de se imaginar que ele não aguenta ficar desacompanhado, devido a isso é preciso auxiliá-lo a fim de que não desenvolva impaciência de separação.

Distúrbios habituais do Shih-Tzu

Os cachorros desta espécie costumam ser chamados cachorros braquicefálicos, que possuem focinho amassado, o que quer dizer que serão capazes de ter problemas respiratórios de simples a gravíssimos. Podem ter, desde roncos e espirros, até apneia tal como infecções. Em alguns casos não muito incomuns ocorrem inflamações de ouvido se não passarem por uma limpeza. É um cachorrinho que tem tendência à obesidade e é muito essencial que se cuide dos dentes dele para evitar problemas periodontais.
É essencial escovar o Shih-Tzu cotidianamente, o que deverá durar em média quinze minutos. Vale considerar inclusive que você deverá possuir tempo para fazer isto e escovar o pelo irá manter o cachorro sempre gracioso e macio. Usualmente, a franja do Shih-Tzu é presa a fim de evitar que os pelos da testa caiam nos seus olhos.
Como é feito com todas as raças, especialmente as que residem em apartamentos, é importante aparar as unhas do Shih-Tzu uma vez que, se ficarem muito grandes, se curvam para baixo atrapalhando no momento de caminhar, sendo capaz de causar feridas nas patas.

Como tratar de um Shih-Tzu

Uma das principais propriedades da espécie é sua pelagem abundante e exuberante, que segundo o parâmetro da raça é capaz de ser de todas as cores. Em contrapartida, a fim de que se mantenha sempre bonito, o Shih-Tzu exige cuidados especiais como escovações diárias, que evitam que os pelos se embaracem e formem embolados.
Um dos principais cuidados de conservação do pelo é que, antes dos banhos, ele seja desembolado, porque após o banho os embolados que eventualmente se formarem ficam muito mais difíceis de serem removidos. Àqueles que não possuem paciência de tomar conta de pelos longos, a opção é manter o Shih-Tzu sempre aparado. E deve-se evitar banhos constantes para que o pelo não venha a ressecar.
Qualquer cachorro, de qualquer raça, pode desenvolver comportamentos destrutivos caso esteja desapontado, sem praticar exercícios e sem viver uma vida balanceada. Atividades físicas diárias, ainda que o cachorro não precise gastar bastante energia, são fundamentais.

Filhotes do Shih-Tzu

Os filhotes são muito arteiros, mas tal como os adultos não apreciam as brincadeiras mais brutas. Se tratando das crianças, as brincadeiras com os filhotes devem ser supervisionadas frequentemente a fim de que os cachorros não se machuquem.
Uma vez que escovações vão fazer parte da vida deles, têm que ser acostumados o mais cedo possível ao ritual de beleza. Inúmeros filhotes de Shih-Tzu que estão se aproximando de um ano de existência, tendem a modificar de pelagem. Durante este período, eles perdem bastante pelo, devido a isso mantenha a escovação diária. Felizmente, esta é uma situação que dura em torno de três semanas.
O adestramento de obediência precisa ser iniciado o mais cedo possível, visto que um Shih-Tzu mal-acostumado na primeira infância, habitualmente, vai ser um cachorro bastante mimado e temperamental quando estiver adulto.

Shih-Tzus – Principais Informações
Avalie esta postagem

Leave a Reply